Quando você usa um cupom em uma compra online, a ideia inicial é que você tenha um benefício para o próprio bolso: um desconto no valor da compra, um brinde ou o frete grátis, por exemplo. A fabricante de perfumaria e cosméticos Natura, por intermédio da sua loja online Rede Natura, decidiu inovar este conceito durante a Natura Week, ação de vendas da marca que ocorreu de 19 a 25 de junho de 2017.

Combinando o viés de sustentabilidade da marca Natura à uma função criativa e inovadora dos cupons em grandes lojas virtuais, o usuário que utilizasse o código NaturaWeek no carrinho de compras trocaria um eventual desconto por uma doação de um real para o projeto Quero Verde, uma iniciativa que promove educação ambiental para crianças da rede pública de ensino na cidade de Cotia (SP).

O uso de doações a projetos sustentáveis como mote para alavancar vendas e valorizar à imagem de preocupação com projetos sociais e sustentabilidade da Natura pode até soar bem aos olhos de muitos consumidores. Porém, em um olhar mais cuidadoso, esconde um truque para alavancar margens nas vendas online da marca: só há um campo para cupom de desconto e, ao utilizá-lo, o consumidor abre mão de 10% a 20% de desconto para clientes recorrentes ou até 40% de desconto para novos clientes facilmente encontrado ao pesquisar por cupom de desconto Natura nos principais buscadores.

“A doação de um real pode equivaler a 5% de uma compra de R$ 20, um ticket abaixo da média, ou 1% de uma compra de R$ 100, um ticket próximo ao médio do ecommerce da Natura, e, em qualquer dos casos, representar uma boa economia de margem para a loja virtual da Natura em comparação com cupons de desconto usualmente disponíveis para a loja”, explica Thiago Rodrigo Alves Carneiro, professor de Matemática e responsável pelo marketplace A vida é feita de Desconto, que concentra cupons da marca e de outras milhares de lojas.

“O consumidor atento poderia fazer uma compra usando cupons de desconto e, além de pagar menos, doar parte da economia para o seu projeto ou instituição preferido”, compara Carneiro. Entretanto, ele não acredita que haja danos para a marca no cenário atual: “a maioria dos consumidores ainda vê com inocência e bons olhos esse tipo de ação social, sem questionar sua existência e se sentindo compelido a ajudar o próximo com uma compra”.

Thiago Rodrigo Alves Carneiro, 41, é graduado em Matemática e em Estatística pelo IME-USP e sócio-proprietário de A vida é feita de Desconto. Com espírito empreendedor, usa sua inspiração para investir e criar negócios sustentáveis usando a tecnologia, a internet e uma pitada de inovação como forma de ajudar as pessoas a realizarem seus sonhos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.